Portal Salário Mínimo dá dicas de como colocar as finanças em dia

Portal Salário Mínimo dá dicas de como colocar as finanças em dia

Hoje em dia é muito difícil ver uma pessoa que não tem algum tipo de dívida ou pendência financeira. E, é claro, que a péssima fase econômica do Brasil tem contribuído para que as pessoas se encontrem dentro desse problema. A falta de administração e os gastos supérfluos ajudam a bagunçar a vida financeira. Mas, é o conjunto de fatores que realmente mantém tudo nos trilhos. A nossa vida financeira depende das nossas escolhas. Se elas forem inconsequentes, certamente o resultado será negativo. Veja agora as melhores dicas do site Salário Mínimo para ter as finanças em dia:


Anote todas as suas despesas
O ato de anotar tudo que se gasta é ideal para quem não quer perder o controle sobre os próprios gastos. Geralmente, as pessoas que não fazem isso, acabam gastando mais do que devem, e quando entram no vermelho, não fazem a mínima ideia de onde erraram ou se excederam. O ideal é anotar pelo menos os gastos mais importantes e de maior impacto na rotina mensal financeira.


Pague todas as contas no mesmo dia
Quem não quer esquecer de pagar alguma conta, deve usar a técnica de pagar as contas no mesmo dia. Assim, não corre o risco de deixar nenhum boleto de fora. Se puder programar o pagamento em débito automático é melhor ainda. Pessoas que não têm controle das datas de pagamentos acabam devendo sem motivo, apenas por esquecimento ou falta de organização.


Tem controle ao usar o cartão de crédito
O uso errado do cartão de crédito é um dos maiores motivos para levar muitas pessoas a grandes dívidas e restrições nos órgãos de proteção ao crédito. O que a maioria acaba não se importando é com os juros que os cartões cobram. A maioria dos clientes desse tipo de serviço, quase sempre paga uma pequena parte da dívida, e isso faz gerar uma grande bola de neve. Dessa forma, os encargos de juros para os pagamentos futuros são exorbitantes e, por isso, a dívida triplica em pouco tempo. O ideal é usar o cartão de crédito apenas quando necessário. Sempre que der, use o débito ou pagamento em dinheiro.


Busque por promoções
Uma boa alternativa para economizar e não sofrer com o valor das compras, é buscar por produtos que estão em promoção. Assim, fica mais fácil economizar todo mês e não entrar em crise financeira.


Corte os gastos desnecessários
Cortar os gastos desnecessários é uma das dicas infalíveis para economizar ou sair das dívidas de forma rápida. O ideal é fazer uma lista com tudo que não é tão importante na sua vida pessoal, e cortar esses gastos mesmo que seja por algum tempo. A economia será espantosa e o dinheiro que foi poupado, pode ser usado para pagar contas importantes. Depois que o resultado fica visível essa prática se torna ainda mais fácil de fazer.


Evite sair de casa com cartão de crédito e débito
Outra forma para economizar é sair de casa apenas com uma quantia exata de dinheiro. Aquela que vai ser usada para algo de necessidade. Deixe em casa o cartão de crédito e de débito, pois as tentações estão espalhadas em diferentes tipos de lugares.


Coma em casa e evite gasto com comida na rua
Outra maneira de gastar sem necessidade é comprando comida na rua. A melhor coisa a ser feita nesse caso, é comer em casa, principalmente, antes de sair. Geralmente, as pessoas “comem pelos olhos” e não por ter fome. Quando saímos de casa saciados as chances de gastar com lanches são mínimas.


Economize uma grana todo mês
O ato de economizar pode salvar muitas pessoas das dívidas. Em caso de emergência, esse dinheiro pode fazer toda a diferença.
Essas são as principais dicas para quem quer economizar e manter as finanças em dia! 

Fonte: UOL