Entidades Privadas de Previdência Complementar planejam disseminar cultura previdenciária em Goiás

Entidades Privadas de Previdência Complementar planejam disseminar cultura previdenciária em Goiás

Reunião aconteceu na sede da OABPrev GO/TO. (Foto: OABPrev GO/TO)

 

Recentemente, o subsecretário do Regime de Previdência Complementar do Ministério da Fazenda, Paulo César dos Santos, observou que “o Brasil é um país que não tem cultura de prevenção”. De fato, apesar dos temores gerados pela Reforma na Previdência, grande parte da população ainda não se atentou para a importância da previdência complementar para assegurar mais conforto, estabilidade e tranquilidade na aposentadoria. Conscientes disso, representantes das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (EFPCs) de Goiás, se reuniram na última semana, na sede da OABPrev, em Goiânia, para discutir ideias de como disseminar a cultura previdenciária no Estado. Além da OABPrev, participaram representantes da Eletra, Previsan e Previcom.
“Entendemos que, independentemente de qual desfecho que se terá sobre as alterações ou não da Reforma Previdenciária, o que importa é que o trabalhador brasileiro deve buscar e principalmente começar a planejar a sua aposentadoria complementar. O futuro, incerto como é, nos coloca em situações de risco e vulnerabilidade. As mudanças cíclicas ou pontuais na economia geram cada vez mais insegurança às famílias”, comenta o presidente da OABPrev, Enil Neto.

Para ele, a previdência oficial nem sempre é suficiente para cobrir as necessidades futuras, não gera os recursos para cobrir as obrigações que cada vez mais são geradas pelo envelhecimento da população. “Hoje se vive mais e, consequentemente, torna-se mais necessário o atendimento daqueles que contribuíram. A previdência complementar é um instrumento de geração de renda que permite reduzir o desconforto da falta de recursos para complementar as nossas necessidades, as vezes básicas e que aparecem justamente em um período onde não mais podemos gerar rendimentos compatíveis com os gastos que se apresentam”, salienta.

Também pela OABPrev estiveram presentes Samuel Junio Pereira, diretor de benefícios e Marlene Gontijo dos Reis Almida, gerente geral. Da Prevcom compareceram o presidente, Edson Ronaldo Nascimento e Orion Andrade de Carvalho, diretor de seguridade. Pela Prevsan participaram o presidente, Álvaro Leandro Barbosa Rodrigues; Arnaldo Castenheira Júnior, diretor de benefícios e Edmar Morais da Silva, diretor de administração de finanças. Representando a Eletra estavam Luiz Humberto Urzedo de Queiroz, presidente, e Salomão Facini, diretor de benefícios. Também participaram do encontro Luiz Fernando Brum, assessor jurídico da Eletra e consultor jurídico da OABPrev GO/TO e da Prevsan, além de Leonardo Rocha, diretor da Engrenagem Virtual, responsável pela Assessoria de Comunicação e Marketing da OABPrev.