Distúrbios do sono podem aumentar em sete vezes o risco de acidentes

Distúrbios do sono podem aumentar em sete vezes o risco de acidentes

Uma noite mal dormida pode comprometer a qualidade de vida das pessoas em diferentes graus. Um alerta importante aos que sofrem com algum distúrbio do sono é sobre a segurança. Pessoas com o descanso comprometido correm o risco de se acidentarem em até sete vezes mais quando se compara às com sono normal.

Os dados foram revelados por um estudo sobre impactos dos transtornos de sono realizado na Universidade de Brasília. A pesquisa apontou que quem sofre com algum distúrbio tem até 41% de chance de sofrer acidentes industriais, domésticos e de trânsito.

A apneia obstrutiva é um dos distúrbios do sono mais comuns entre a população mundial. A doença é caracterizada por paradas na respiração durante o momento de descanso. Ainda segundo a pesquisa, pessoas com apneia costumam apresentar sonolência excessiva durante o dia, o que aumenta o risco de acidentes. Segundo a fisioterapeuta Renata Aurichio, o alerta é importante já que o repouso é o pilar central de várias funções do corpo humano.

— O sono é fundamental para restaurar a memória, a capacidade cognitiva, a concentração. Quando afetado, todas estas funções ficam comprometidas, o que tornam as pessoas mais propensas a envolverem em acidentes.

Um das grandes dificuldades é o diagnóstico da apneia obstrutiva. A maioria dos pacientes não admitem que sofrem do distúrbio e não procuram um especialista. Aurichio afirma que o tratamento é objetivo e sem intervenções invasivas.

— O paciente deve procurar um médico especializado, fazer um exame que vai diagnosticar o nível da apneia e então será encaminhado para o tratamento.

Para casos de apneia moderado a grave, o tratamento é o uso do CPAP (pressão positiva contínua nas vias aéreas) e é referência clínica. O paciente usa uma máscara conectada ao aparelho que com fluxos de ar desobstrui as vias áreas evitando a parada respiratória.

Em Minas Gerais e no Espírito Santo, o tratamento é oferecido pela Home&Hosp, empresa com profissionais especializados na área respiratória e em distúrbios do sono, com unidades em Belo Horizonte, no bairro Santa Efigênia, Pouso Alegre, no sul do Estado e agora nova unidade em Vitória, Espírito Santo.

Após adaptação com aparelho, o paciente vê o resultado com grandes benefícios em sua qualidade de vida. Em até seis meses, dependendo do grau da apneia e da forma como o paciente conduz o tratamento, as funções do corpo antes prejudicadas, tendem a se normalizar.

Fonte: R7